Os espaços de Cowork vieram para ficar e são cada vez em maior número em Portugal. Estes espaços vieram ocupar um vazio para  freelancers e micro-empresas que tipicamente trabalhavam a partir de casa ou em locais improvisados. Tem ideia como funciona este novo método de trabalho? Este porto poderá ser útil para si caso esteja a iniciar uma empresa.

 

Em Portugal existem diversos espaços coworking, sendo que na cidade de Lisboa é onde há a maior concentração. Espaço coworking nada mais é do que um espaço de trabalho em que os seus recursos são compartilhados com diversos outros usuários, desde profissionais autónomos a pequenas empresas.  A maioria desses espaços dispõe de internet de rápida velocidade, secretárias individuais, salas de reunião, atendimento telefônico, além de outras funcionalidades, disponíveis para os seus usuários, tornando-se uma boa alternativa para os escritórios convencionais.  E como em todo o espaço de trabalho, há vantagens e desvantagens. Listamos algumas.

 

Pontos Fortes

-  Custos: Para pequenas empresas com até 3 pessoas continua a ser uma alternativa mais barata do que alugar um escritório. Ao fazer contas,  deve-se incluir todos os custos indiretos que um escritório próprio tem além da renda (electricidade, água, telecomunicações, limpezas, entre outros).

 

-  Networking: O networking é sempre fundamental para uma empresa, e o espaço de coworking  potencializa a partilha de experiências e criação de oportunidades profissionais.

 

-  Compromisso: Algo que depende muito de pessoa para pessoa é a capacidade de disciplina para ser produtivo em casa, num ambiente que não é o profissional e com todas as suas distrações.  Para a maioria, ter um local de trabalho que não seja em casa facilita a criação de horários de trabalho e hábitos mais produtivos.     

-  Imagem e Localização: Genericamente os espaços de coworking têm bastante cuidado  em relação à imagem e estão em localizações privilegiadas. Se tem contato direto com clientes, o seu local de trabalho pode ajudar a construir a imagem que quer passar da sua empresa.

 

Pontos Fracos

-  Custos: É um ponto forte, mas também é fraco, na medida em que vários freelancers trabalham em casa praticamente a custo 0. No início  de muitas empresas qualquer custo tem de ser bem calculado.

 

-  Distrações e Incompatibilidades: Ao partilhar o espaço com outras pessoas é normal distrairmo-nos com mais frequência com o que se passa à nossa volta. É preciso  manter a disciplina entre os momentos profissionais e de lazer. Lembre-se que também há dias em que está com um pouco de menos paciência para o barulho e um dia que lhe ocorre muito bem profissionalmente, pode ser um dia que corre muito mal ao seu "vizinho" do lado.

 

Quer  experimentar um espaço de coworking? Nesse caso como escolher o ideal? Primeiro faça uma seleção por localização e preço, em seguida visite alguns locais para perceber a dinâmica do espaço. É importante estar atento não só às condições, mas também às empresas que estão lá a trabalhar, determinando qual o potencial de networking e se a cultura predominante se adequa à sua empresa. Por último, existem ainda alguns espaços que trabalham a comunidade criando eventos e partilhas de experiências que podem ser muito proveitosas.

 

Encontramos um site chamado Coworker que lista diversos coworkings em Portugal e pelo mundo.

 

Já trabalhou em espaços coworking? Concorda com as vantagens / desvantagens? Tem referências de algum espaço que gostou especialmente? Deixe-nos um comentário ou entre em contato pelo Facebook. Tem alguma dúvida em relação à nossa plataforma? Consulte o F.A.Q ou contacte-nos via chat no nosso site.



  • Andre Silva e Pedro Gouveia
  • 0

Comentários

Ainda não existem comentários sobre este artigo. Seja o primeiro!


Seu comentário

Tags: #Startup

Related posts

Este site usa cookies para melhorar o desempenho e experiência. Ao continuar, declara aceitar todos os cookies. Fechar