A gestão financeira da sua empresa pode ser mais fácil do que imagina. Geralmente os empresários "fogem" do tema por três motivos, têm a ideia que dá demasiado trabalho, acreditam que existem outras tarefas mais importantes, ou até mesmo porque não sabem como fazer.  A gestão financeira é essencial, podendo ser feita de forma descomplicada e focada nas suas necessidades. Sugerimos que deixe por agora de lado os termos mais técnicos e comece por implementar estes três passos práticos.


1º Passo - Controlar os custos

O primeiro passo é registar todas as despesas da sua empresa.

Para um controlo financeiro rigoroso não basta ter uma noção vaga de onde o dinheiro é gasto. É fundamental ter um sítio onde coloca todas as despesas, mas também classifica-as de acordo com a estrutura orgânica e modelo de negócio da sua empresa. Um exemplo comum seria classificar as despesas por área (Marketing, Vendas, Suporte, etc) e por categorias (telecomunicações, publicidade, ou matéria-primas).

Depois de ter as despesas registadas é igualmente importante classificá-las como custos fixos (ex. renda do escritório) ou variáveis (ex. publicidade). Desta forma terá sempre a informação necessária para agir rapidamente, sabendo onde pode cortar ou aumentar o seu budget e que impacto terá no negócio.

 

2º Passo - Criar e monitorizar indicadores do seu negócio

Só é possível gerir o que está a ser medido.
Se não tem indicadores sobre o seu negócio, provavelmente, não tem um verdadeiro controlo sobre o mesmo. O primeiro passo é pensar muito bem no que medir, ou seja, que informação verdadeiramente precisa para melhorar a performance da sua empresa.

Leia este artigo, se quiser saber exatamente os cálculos financeiros necessários para implementar na sua gestão financeira: 4 indicadores financeiros que vão ajudar na gestão da sua empresa

 

Estes indicadores são tipicamente operacionais, e devem ser analisados com uma frequência diária. Exemplificando para o nosso caso e de forma simplificada, interessa-nos saber o número de visitas ao nosso site, de empresas em modo experimental e por fim de empresas que efetivamente se tornaram clientes. Medir, analisar, tomar decisões e voltar a medir, entrando num processo de melhoria contínua de resultados na sua empresa.

Porque é importante para a gestão financeira? Estes indicadores ajudam-lhe a prever os custos e as receitas e ajudam a tomar decisões como por exemplo, a necessidade de cortar custos, se é a hora de fazer uma promoção ou mesmo pegar um empréstimo para manter o fluxo de caixa positivo.

O gestor deve mensalmente avaliar os resultados que obteve no negócio e quais as necessidades de adaptação para manter o crescimento da empresa.   

 

3º Passo - Analisar o fluxo de dinheiro

Mesmo que o negócio corra bem,  poderá ter problemas de tesouraria. Independentemente da área de negócio, é fácil perder-se entre prazos de pagamentos (30, 60 , 90 dias) de faturas de clientes e fornecedores. Entre pagamentos a fornecedores, salários e impostos pode acabar com um mês bastante negativo no saldo da sua conta bancária mesmo que tenha tido o seu melhor mês em vendas (valores que receberá apenas nos próximos meses).

É importante perceber e controlar estes fluxos para tomar as melhores decisões. Ser apanhado desprevenido pode significar ter de recorrer a um empréstimo em cima da hora ou entrar em incumprimento com algum dos seus fornecedores. Em ambos os casos o seu negócio sairá sempre, directamente ou indirectamente, prejudicado.

Para que estas tarefas não ocupem 100% do seu tempo de gestão tem de ter as ferramentas certas. O excel é a escolha óbvia de muitas empresas, mas tem várias desvantagens. Se procura algo mais preciso e automático o MagniFinance é a solução ideal.


Ainda tem dúvidas sobre a importância da contabilidade e da gestão financeira? Deixe as suas perguntas nos comentários abaixo ou use o nosso chat online e fale com um dos nossos analistas.




  • Pedro Matias Dias
  • 0

Comentários

Ainda não existem comentários sobre este artigo. Seja o primeiro!


Seu comentário

Tags: #BoasPráticas#Empreendorismo#Financas#Gestão

Related posts

Este site usa cookies para melhorar o desempenho e experiência. Ao continuar, declara aceitar todos os cookies. Fechar